Criarumemail.com/

Latest Posts

Salve galera!
Essa semana eu lancei uma coleção cápsula do ROUPADEENSAIO!
Foi a primeira linha de roupa original da marca. Tive ajuda de uma galera muito top tipo a Laise (@foioqueeuvi), como produtora de moda e stylist, Vitor (@vitorsantos_fotografo), como fotografo, meu marido lindo, Kapu Araujo (@kapu_araujo), na sensibilidade, na pré produção e no $uporte. Sem esquecer de toda equipe que colocou a mão da massa, desde a modelista às costureiras. A ideia era ser uma coleção outono-inverno, mas tivemos muitos atrasos, com isso acabou saindo fora de época, mas tudo bem. Estamos planejando uma primavera-verão que vai lacrar. Ando pesquisando muito sobre arte, como sempre né, mas especialmente suas aplicações na moda, como em eventos porta-voz, mensagens e influencias, tem sido um tempo de estudo muito rico.

Falando dessa coleção 2018.2, chamei de FINE, porque tudo está bem. Minha visão desse "bem" é que tudo está sob controle por mais que pareça que não. Há coisas terríveis acontecendo sim, há ideologias totalmente distorcidas surgindo por aí, há muita coisa feia e ruim por todo lado, isso é um fato, mas está tudo nos planos de Deus, então, se eu estou no propósito dEle, está tudo FINE, bem estilo Romanos 8:28, indo contra toda essa onda de ativismo, está tudo bem, tudo vai ficar bem.

Sobre o artístico, minha visão foi chamar atenção para o menos, para o simples, para o limpo. Me inspirei em prédios, arquitetura urbana, traços, linhas e minimalismo, o que me trouxe a paleta de cores neutras nos tons cinza, preto, vinho e caramelo. E, fazendo menção à tendência que virá na próxima estação, em cada peça foi adicionada um detalhe em verde-limão neon, que chamamos de LINE. Fez toda diferença na maturidade da marca.

No total fechamos 6 peças, originalmente eram 9, mas a Capa de suede, o Cropped de couro/neoprene e uma Tshirt/vestido de moletinho, não passaram por todas as etapas necessárias a tempo, com isso ficaram para a próxima. Agora, vamos para as fotos e comentários sinceros ;)

Ah, esse body... e essa calça... são os the lindos da coleção! Uso essa calça todo dia, mas ela foi feita para o inverno pois esquenta bastante tadinha... O body também tenho usado muito, está dançando sozinho! Sem mais comentários. Deu certo. Palmas para mim. 

Essa modelo e bailarina maravilhosa é a Gabi (@gabimattosf), está vestido um blusão de moletom, a intenção dele é overside porém limpo no seu design, um street-chic, faz sentido?

A bermuda, também em courinho sintético, tem um toque de alfaiataria e seriedade. Traz para o look streetwear, para quem é brabo mesmo, aquela personalidade que faz diferença,sabe? O brabo que fez parceria com a gente é Josh Antonio (@joshaantonio), pesou só de carregar a foto.

Nessa foto está o blusão na cor cinza e, com o Kiri, está a peça mais ícone da coleção: a Toga.

Amo essa toga, cara. Quem é do urbano, quem tem personalidade, quem lança tendência, quem, putz, estoura a boca do balão (valeu essa?), tem obrigação de usar. Period.

Meu irmão, Dani (@bboykiri), vestiu esse macacão que é frente de linha, todo mundo quer. Estreei ele no Rio H2K desse ano, geral ficou louco perguntando. Em breve na cor cinza, temos versão feminina e masculina #ficaadica.

Essa versatilidade de tirar a parte de cima é o aço, quem dança vai me entender.


Bom galera é isso, o site já está no ar, podem ir comprar e fazer muitos pedidos! Estamos entusiasmados para fazer um evento de lançamento da próxima coleção, então torçam por nós.
Aliás, torçam por todos aqueles que fazem algo para o universo da dança, mesmo que seja lançar um produto para esse público, ou uma forma de mídia, projeto, evento, etc. Temos uma cultura muito rica, que pode ser mais rica ainda se a galera da dança se valorizar mais. Recado dado, vamos valorizar os nossos, santo de casa FAZ MILAGRE sim.

PAZ!
Ah! Como sempre... piscamos, e olhá lá, mais um fim de ano a nossa porta.
Aonde vamos parar desse jeito? Já sei. Na idade adulta ou na velhice.

Vocês sabem que não gosto muito de natal e blá blá blá, caso haja curiosidade em saber o motivo é só procurar nos posts antigos do blog algo sobre revolta do natal...

Dois mil e dezessete foi um furacão, quase uma ladeira abaixo mas quando achei que seria desastre total, houve uma reviravolta muito linda. 
O que posso dizer desse ano sem parecer clichê? Falaria aprendizado... mas esse diagnóstico se aplica a todos os anos praticamente. Gosto da palavra "esticamento", isso! Caracteriza bem, fui esticada de todos os lados. Não somente na flexibilidade, que anda bem obrigada, mas em todas as áreas. 

No espiritual, fui identificando minha alma (como ela é infantil e se ofende fácil, aff) para "esticar" mais o meu espírito. No casamento, tive (estou tendo) que "esticar" meus ouvidos e "encurtar" minhas vontades. No profissional tive que encurtar o que massageava meu ego/vaidades/opnião alheia para "esticar" a profissional que sou em Deus. 
Pareceu abstrato? Mas é bem isso mesmo! Sinto que vou passar 2018 digerindo 2017, muita coisa louca para confundir os sábios...

Que 2018 seja melhor! Um ano de colheita bem farta! 

Só uma reflexão: O que você tem plantado, ficará feliz em colher a luz do dia? Não feche os olhos para o que você tem plantado de ruim, pois a colheita vem. Peça perdão, se esforce para querer o bem a todos à sua volta, e principalmente, seja uma pessoa melhor do que a qual você foi ontem. Se organize para viver uma vida épica, que faça a diferença!

Por onde começar? Pode ser por aqui.

Esse ano, no meu instagram fiz o  meu "desafio do planner". Vi muitas pessoas usando planner e fazendo seus próprios planejamentos, porém, eu não achei nenhum que me agradasse ou que atendesse minhas necessidades. Como não sabia ao certo se iria conseguir manter o ritmo da organização e das tarefas, fiz um desafio no IG e deu muito certo. Fiquei um mês pondo em prática todo o planner que eu criei, e foi sinistro. Só me rendeu coisas boas. Uma galera ficou interessada e curiosa, com isso resolvi digitalizar e disponibilizar online! Usando, claro, o Roupa de Ensaio, porque não estou de bobeira. O planner está lindo, super clean e numa vibe minimalista... Lembrando que NÃO SOU DESIGNER e fiz o que pude sob meu olhar artístico, está maneiro. Sinto que preciso fazer um vídeo explicando algumas coisas nele... quando eu fizer (se fizer, rs) eu aviso. Segue o bicho:

PLANNER 2018 POR SAVAZ / RDE 15 x 21
(impressão em meia folha A4, frente e verso, só cortar ao meio, organizar como quiser e encadernar ou grampear, faz uma capa maneira e me marca)

(impressão em folha A4, paisagem, frente e verso)

Algumas imagens do planner: 



É isso, FELIZ ANO NOVO! Muitos fogos, roupa branca, aquela promessa de estudar mais, comer menos, treinar mais, gastar menos, o de sempre, que a gente adora!

BEIJOS

obs: cortei o cabelo gente, tá curtinho
obs²: voltei a tocar violão
obs³: aprendi o bendito moinho vento (ui, powermoveira ela)!



Oi gente!
Como todos sabem, gosto muito de escrever. Pelo menos sabem aqueles que visitam meu blog desde de 2004, quando o weblogger ainda existia e lá se vão anos... Mas fui me distraindo em tantas áreas que a gente vai descobrindo pela vida, normal. Normal, não, previsível.

Como meu marido está viajando, tirei uns dias para ficar na casa da minha mãe, e achei tanta bujinganga! Nossa, tantas listas de desejos, desabafos em diários, cartas de ex, vish muita treta. Além de livros, cadernos de escola, campanhas que inventava, fotos de eu dançando Street Dance (era street dance ou break no alto), fotos das primeiras apresentações de ballet... Vish, muita treta messmo, fiz a limpa!

 Nesse clima, descobri uns textos perdidos nos arquivos mortos do computador. Olha, até que tinham coisas interessantes... Por que ninguém me dava atenção na época? Bom, resolvi honrar aquela menina hiperativa, cheia de sonhos e energia para abraçar o mundo (que no fundo não mudou muita coisa).

 Então pára (eu sei, é sem acento, mas deixa eu pôr?), vai lá trazer um chazinho para ler um pouquinho das minhas fortes viagens.


"Um pássaro. Bem assim que ele nasce, ele não sabe, mas ele vai voar. Bem assim que ele nasce, ele não sabe mas tem uma essência, um fio condutor, uma raiz, que já existe, ele não sabe mas é isso que vai levá-lo a voar. Um passarinho, pobre coitado, não sabe de nada, está num ninho desconhecido, está numa árvore que não é sua, está perto de pássaros que não se parecem com ele... ele não sabe, mas existe uma característica essencial que constitui sua natureza, que vai fazê-lo voar. Existe um idéia principal que vai fazer a coisa ser o que é, e não outra coisa. O elo perdido entre existir e voar. Nasceu pássaro, mas não seria pássaro se no seu âmago não havesse de voar. Um pássaro não sabe mas o que faz ele ser pássaro é a essência de pássaro que se pudesse se materializar seria o vôo. Calma passarinho, ninguém nasce sendo, nascendo sem ainda ter nascido."


"Era para eu ser a dança. Dança sem essência é você se tornando outra coisa que não é. A dança tem que te fazer o que és, não outra coisa. Achar o fio condutor que me faz dançar e acreditar tanto na dança, achar o motivo do mover, achar o que te faz sentir mais viva, achar o combustível. Onde estará a fome? Como combater a subnutrição? O que vai te inspirar quando acabarem as fotos? Onde está a fome? Como combater a desidratação sem água? Cadê a água? O que vai te inspirar quando a água acabar?"

"Não preciso que façam minhas vontades quando estou bem, pois aí eu mesma faço... preciso de atitude de base forte principalmente quando minhas bases ja se foram, meus pais, meu irmão meu melhores amigos, cada um com seus rumos suas famílias, eu também escolhi meu rumo, minha família de uma só. Sozinha aprendi a me superar sozinha eu mesma montei minha base. Vinha lutas, vinha paixões, vinham decepções, tudo passava, sempre me bastei. Mas agora você me ensinou a encarar tudo de um modo diferente, com alguém do lado. Você me mudou, eu não queria mudar, era muito mais seguro do outro jeito, mas quando vi já havia acontecido, me tornei dependente, dependente de alguém, alguém que nem sabia se podia confiar, pelas palavras sim, pelos sentimentos sim, mas as atitudes ainda não tinha como saber. O pior de se sentir sozinha é se sentir sozinha tendo alguém. Não tem como o tempo voltar, também nunca quis que voltasse mas hoje eu queria... queria voltar ao tempo que eu podia aceitar que cuidassem de mim... que perguntassem porque estou triste e mesmo que o motivo fosse nota baixa na escola, ali estaria recebendo um cuidado, que me dessem comida, que não me deixassem ficar na cama o dia inteiro. Você me fez mudar, você convenceu a me entregar e acreditar em nós, mas não me ensinou a sobreviver sem você, não me preparou para o dia em que você simplesmente não estaria ou sem paciência ou não me disse que ainda não sabia lhe dar comigo. Entendo cuidar de um animal de espécie rara dá muito trabalho mesmo, irrita, perde-se a paciência, dá quase vontade de desistir. Então me desculpe, por lhe fazer sofrer porque sou difícil de lhe dar, não é essa intenção."

"As vezes voce só quer um momento em PAZ, todos querem momentos de paz, e quando você é sozinha, não tem ninguem pensando em você ou se preocupando com você, aí esses momentos são mais frequentes, frequentes até demais."

"O que será de amanhã? Vai desperdiçar cada dia? Colher o dia. Colher os restos no chão e não reaproveitar nada."

"Pegando impulso. A vida esta num corre-corre danado e do nada vem um vácuo. Não se preocupe... a recuada é para pegar impulso para um salto maior."

"Amar é abrir mão, neh? É o que mais se faz dentro de um relacionamento, e é isso que a vida pede. Terá de optar muitas vezes por diversão ou trabalho, por mais que o seu trabalho pareça ser divertido. Terá de abrir mão muitas vezes de família, cyphers, bichinhos de estimação... por amor. Alguém me disse que todo mundo tem um amor, esse amor pode ser uma pessoa, uma profissão ou uma arte... seja o que for, quando amar você pagará um preço.
Não que vai ser isso sempre, toda vida você em segundo plano, mas quando for acontecer você deve estar com a mente fortalecida no amor. Fortaleça sua vida e sua profissão no AMOR. 
O que é seu virá, não queira o que é dos outros."

Ufa, cada palavra para mim faz muito sentido! Chega a ser engraçado. Não corrigi e nem ajeitei os textos para mantê-los na integra. E como são muitos textos perdidos por aqui, vou fazer a PARTE 2 e talvez PARTE 3, me lembrem PLEASE!
Se quiserem usá-los ou aproveitá-los tudo bem, mas me avisem antes e coloquem os créditos.;)

Grande beijo, vou aparecer mais vezes!

Oi gente,
passei bem rápido para deixar o link do MEU CANAL - SAVAZ!
Ainda não sei o que será deste canal, se nem no blog consigo postar com regularidade, mas deu na telha de fazer e vocês sabem como eu sou, não penso muito quando vou fazer as coisas - talvez seja porque se eu pensar demais acabo por não fazer - e também sabem que quando ponha algo na cabeça, não paro até dar um jeito de fazer...

O primeiro vídeo do canal é aqui em Ipanema, em um trilha pelo morro do Cantagalo, com uma vista linda de morrer. O dia foi muito cheio, estávamos cansados, mortos, bem típico, rs. Mas dançamos e fizemos um teaser pequeno que está no canal do ROUPA DE ENSAIO, se inscrevam lá também.

Vou deixar os links dos vídeos aqui, acompanhem tudo lá e qualquer coisa grita!





Por hoje é só pessoal, beijos!